top of page

Brasília é a segunda capital mais segura do Brasil, aponta Atlas da Violência 2024

Atualizado: 20 de jun.


Brasília continua sendo uma das capitais mais seguras do Brasil. A capital federal tem a segunda menor taxa de homicídios, com 13% ; em primeiro lugar está Florianópolis, capital do estado de Santa Catarina, com 8,9%. Os dados são do Atlas da Violência 2024, divulgados nesta quinta-feira (20). Este levantamento teve como base o ano de 2022.


Os pesquisadores também avaliaram os casos no período de dez anos, e constataram que houve redução das ocorrências de homicídios ano a ano, desta forma, em 2012 ocorreram 961 casos, já em 2022, foram registrados 365, ou seja, uma redução de 62% desse tipo de crime.


De acordo com o Balanço Criminal, realizado pela Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF), em 2023, Brasília registrou o menor índice de homicídios dos últimos 47 anos. 


A Pasta é otimista também em relação aos números deste ano, tendo em vista que já foi constatado que houve a redução de 21,8% dos casos, nos cinco primeiros meses, em comparação ao mesmo período do ano passado. O estudo também mostra que o Distrito Federal atingiu o menor número de vítimas de assassinato em 25 anos.


Os expressivos números são reflexo do trabalho das forças de segurança, coordenadas pelo Governo do Distrito Federal.


Tendo como ênfase, o papel desempenhado pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), que é responsável pelo policiamento ostensivo e pela preservação da ordem pública em toda região do Distrito Federal.


É válido ressaltar o esforço realizado pela corporação com uma melhor distribuição do efetivo nas ruas, apesar do déficit de pessoal. 


De acordo com o último Censo do IBGE, a população de Brasília é de 2.817.068 pessoas. Ainda segundo a pesquisa, o Distrito Federal tem uma densidade demográfica de 489,01 habitantes por km².


Em contrapartida, o efetivo da PMDF é de cerca de 10,3 mil policiais.


Para se ter ideia, de acordo com a Lei 12.086, de 2009, que teve como base a população daquele ano, algo em torno de 2,6 milhões de pessoas, definiu-se que para a segurança desta população, o quantitativo necessário da PMDF era de 18 mil policiais.


Claro que outros fatores, como o trabalho das demais forças de segurança, a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) , o Departamento Estadual de Trânsito do DF (DETRAN-DF) e o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), também têm seus méritos na positividade dos números. 


Porém, é inegável que o trabalho que coíbe a ação dos criminosos, e com isso resulta na diminuição dos delitos, é feito pelas tropas, oficiais e praças, que trabalham dia após dia nas ruas, desde as regiões mais nobres, até os locais mais periculosos,  em prol da segurança da comunidade.


A CABE parabeniza a PMDF como instituição, reconhece o trabalho árduo desses policiais militares e parabeniza sobremaneira esses homens e mulheres, que diuturnamente, arriscam suas vidas para proteger a sociedade do Distrito Federal.


Foto: Instagram @grifonegro_patamo


120 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page